A IMPORTÂNCIA DE TIRAR TEMPO

março 19, 2017


É fatal como o destino... quando há “tempo vago”, morto, de dolce far niente... ninguém sabe mesmo o que fazer com o dito. Passamos a vida a planear os nossos dias, fazer listas infindáveis de afazeres, mas menosprezamos os tempos livres, como se o não fazer nada, fosse por si só, já fazer muito. Merecemos ter uma lista de pendentes a realizar quando o tema for folga! Uma lista de sítios a visitar, restaurantes a conhecer, espaços novos na cidade que queremos ir, uma lista para sacar na hora e por em pratica! Trabalhar a partir de casa, aqui, requer também o planeamento desses momentos. Há prazos, há sim, há datas, há pois claro, tempos com entregas predefinidas, oui também temos disso, períodos demasiado pequenos para tanto o que fazer, há isso tudo e muito mais, e há, tem que haver, deve haver, também, e igualmente de modo inegociável, tempo para descontrair, ter folga, é muito, mesmo muito importante, saber definir quando parar e obedecer acima de tudo a esse stop! Para ter uma estrutura pessoal, e de trabalho, com tempo para tudo, estas são as dicas que devem ter em mente cada vez que pausem para planear o mês, a semana, o dia!

“Get Up” // vegetar na cama não é aproveitar o tempo vago, a não ser que andem a sofrer da privação de sono, que ainda assim requer mais reformulação dos vossos horários diários para compensar do que da recarga massiva em tempo livre, não fazer o dito nada não vai contribuir para aliviar o vosso stress e libertar a vossa mente... funcionará ocasionalmente, de modo muito excepcional, para solucionar cansaço físico e muscular, tirando isso... get up now!

Planear actividades // pôr em execução a lista que falávamos e mexer esse rabo! Sair de casa e aproveitar para conhecer novos ambientes, aventurarem-se para alem da vossa zona de conforto, dos lugares habituais. A mudança pode ser revitalizante e muito estimulante!

Off Media // vaguear online é i-na-cei-ta-vel... é outra das actividades a que a malta recorre quando tempo livre, aquele guilty pleasure, assim como se fosse perdoada de matar tanto tempo porque... afinal de contas... não se tem nada no momento para fazer... Rescaldo do dia? Não fiz nada!

Ser Feliz // *inserir cliché* é um chavão, eu sei, é como quem diz dediquem-se as actividades que sabem que vos fazem felizes, sejam elas visitar familiares, fazer grandes almoços de família, sair com aqueles amigos que não vemos a dois séculos, viajar... e não precisa de ser para longe, whatever rocks your boat! Garanto-vos que a rotina de trabalho vai começar energética e produtiva e que nada, nada mesmo, irá fugir do lugar onde ficou!

You Might Also Like

0 REPLY

Participa com a tua sugestão ou comentário e não te esqueças de seguir a página no facebook, twitter e instagram para estares sempre a par das novidades! Obrigado pela visita. Salomé

Popular Posts

Like us on Facebook

Follow us